Um estudo realizado pela Euromonitor Internacional sobre internet móvel e mercado de pagamentos eletrônicos apontou que quase metade dos brasileiros (47%) que foram entrevistados opta por não compartilhar suas informações financeiras pela internet. A média mundial nessa questão é de 44%.

Apesar disso, outros quesitos do estudo “Digital Purchase and Internet Retailing Trends” apontam o crescimento deste mercado no Brasil. Eles podem ser conferidos a seguir:

– O estudo constatou que, até 2020, o Brasil deverá contar com mais de 250 milhões de usuários de dispositivos móveis com acesso à internet. No mundo, esse número será de cerca de 4,5 bilhões de pessoas.

– Atualmente, cerca de 116 milhões de brasileiros – 60% da população – usam a internet. A porcentagem é superior à média da América Latina (48%). Mas está abaixo dos Estados Unidos, por exemplo, onde quase 90% da população já tem acesso à internet.

– Até 2020, o comércio eletrônico brasileiro atingirá a marca de US$ 28 bilhões. Hoje em dia, está em US$ 19,5 bilhões.

– O estudo também aponta que, até 2020, o mercado de smartphones deve crescer 2% no país, atingindo a marca das 70 milhões de unidades.

– Em 2020, de acordo com o estudo, 66% dos brasileiros terão algum tipo de plano de telefonia móvel também terão internet móvel (hoje em dia, 59% dos brasileiros se encaixam nesse quesito). Em 2009, por exemplo, apenas 5,1% das pessoas que tinham um plano de telefonia móvel também contavam com internet móvel.

– A Euromonitor ainda afirmou em seu estudo que toda a população nacional está coberta por redes celulares e 94% conta com cobertura de rede 3G. Isso faz com que o Brasil esteja, na América Latina, atrás apenas de Costa Rica.

– Atualmente, de tudo que é comprado de maneira online no Brasil, a alimentação representa 11%, o setor de transportes (passagens de ônibus, serviços de táxis, companhias aéreas, entre outros) fica com 13%, e o de alojamento (reservas em hotéis e locação de apartamentos, por exemplo) representa 7%. Até 2020, segundo o estudo, esses setores representarão, respectivamente, 14%, 14% e 6%.

– A “Digital Purchase and Internet Retailing Trends” também garante que, em 2020, 10% de tudo que é vendido online no país será comprado através de equipamentos móveis. Hoje, são 7%.

Outros estudos

O estudo “Perfil do E-commerce Brasileiro”, realizado pela BigData Corp à pedido da PayPal, mostrou que, em 2015, 20,6% dos sites usavam a tecnologia SSL (Secure Socket Layer), que confere aos clientes uma navegação mais segura. Este ano, entretanto, houve um crescimento significativo, fazendo com que 73,8% dos sites passassem a usar essa ferramenta.

Já a pesquisa Ipsos/PayPal, realizada no final do ano passado, constatou que 13% do total gasto online no mundo inteiro em 2015 se deu via smartphone.

Fonte: http://www.contabeis.com.br